Pesquisar este blog

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

friz.

                     

         Truques para combater o frizz em dias de tempo úmido.

    Apostar em produtos anti-umidade e penteados são soluções inteligentes 



Tempo úmido é um problema para qualquer tipo de cabelo. Em dias de chuva ou garoa, é a mesma história: o cabelo fica cheio de frizz, esses fiozinhos que dão volume excessivo e aspecto desleixado às madeixas. Na verdade, eles nada mais são do que os fios que quebraram e, agora, estão em crescimento, como explica o hairstylist Glecciano Luz, do Espaço Glecciano Luz, Rio de Janeiro.

Mas nada de desespero ou vontade de raspar a cabeça. Para lidar melhor com seu cabelo nesses dias, confira os truques dos hairstylistsGlecciano Luz, do Espaço Glecciano Luz, e Fernanda Lopes, do Espaço Estético Wataki, São Paulo.


Produtos anti-umidade: Esses produtos criam uma espécie de capa nos fios, blindando as cutículas sem deixar que a umidade entre no cabelo. Existem produtos específicos para isso, os chamados defrizantes, além de leave-in com pH um pouco mais baixo. Para quem não tem tempo para secar os fios e sai de casa com as madeixas ainda molhadas, a hairstylist Fernanda indica um bom sérum, que faz perfeitamente o trabalho.


Assentando os fios: Para abaixar os fiozinhos, outro produto indicado é a pomada. Ela, além de assentar os danados, ainda diminui o volume do cabelo. No entanto, alerta o hairstylist Glecciano, atenção á quantidade: Se passar muito, seu cabelo pode ficar com aspecto de pesado, além de oleoso em excesso. Para as caheadas, Fernanda aconselha o uso de mousse.



Pente de madeira: Um dos causadores do frizz é a eletricidade estática, que pode vir do atrito entre o pente e o cabelo. Por causa de suas características moleculares, o pente de madeira não permite que a eletricidade passe, fazendo com que ela não chegue a seus cabelos. O mesmo não acontece com o pente de plástico. “Aquele cabelinho teima em ficar para cima? Passe um pouco de spray de leve fixação em um pente largo e dê uma leve penteada”, indica Fernanda.






Banho de água fria: Não, você não precisa tomar um banho gelado se não quiser. Para selar as cutículas do cabelo, basta um jato ao fim do banho, como assegura Glecciano. Essa medida também diminui o volume do cabelo. Um jato frio com o secador causa efeito parecido. “Seque o cabelo com ar quente e, depois, jogue ar frio por todas as direções, da nuca para frente, de um lado para o outro. Você vai ficar com um cabelo muito mais natural”, adiciona Fernanda Lopes.




 Penteado esperto: Às vezes, usar a moda a seu favor pode ser uma solução ainda mais esperta. Abuse de lenços, tiaras de diversos tamanhos e cores, rabo-de- cavalo, tranças, penteados desconectados e muitas outras opções de penteados e acessórios. Até mesmo um pequeno tica-tac pode resolver seu problema de maneira simples e criativa. Divirta-se!




Prevenção: O trabalho0 de combate ao frizz é extensivo e não deve se resumir aos dias de desespero na frente do espelho. Vale lembrar que esses arrepiados nada mais são do que os fios que, outrora, quebraram. Assim, é necessário ressaltar a importância de manter o cabelo bem cuidado e forte. Isso é adquirido com hidratação (pode ser caseira), cortes freqüentes (Fernanda aconselha o corte de três em três meses), tratamentos reconstrutores, lembra Glecciano, mito cuidado com coloração e alisamentos. “Fora isso, uma alimentação bem saudável também é essencial”, completa o hairstylist.

Franja

                       

                       A franja ideal para você



A franja dá um charme a mais para qualquer corte de cabelo e é a grande sacada da próxima estação. Famosas como Jéssica Alba, Christina Aguilera e Penélope Cruz passaram a tesoura e exibem franjinhas super charmosas nos tapetes de Hollywood. Mas é preciso ficar atenta, pois cada formato de rosto pede um modelo de franja diferente.




“É preciso adequar a moda ao seu tipo físico para depois não se arrepender do corte”, ressalta o hair stylist Ruben Navarro, da rede Walter’s Coiffeur.

A primeira coisa que deve ser levada em conta na hora de optar por franjinhas ou franjonas é se no dia a dia o corte vai ser prático ou se vai incomodar. Por exemplo, mulheres que trabalham em frente ao computador, vão ter que aparar a franja constantemente, para que ela não caia nos olhos, enquanto as que trabalham em lugares ao ar livre podem ter problemas na hora do vento. Pessoas com a pele muito oleosa também não devem usar franjas, pois o cabelo caído na testa estará sempre oleoso, com aspecto “sujo”.




hair stylist Ruben Navarro, do Walter’s Coiffeur dá algumas dicas que devem ser levadas em conta na hora de escolher a franja certa para você e aconselha o que pode e o que não pode quando o assunto é franja!




Rosto redondo: Não combina com franja, mas mesmo assim, se a pessoa quiser muito, pode usar uma franja mais longa, caída para o lado.

Rosto quadrado: Combina com uma franja curtinha, ou até cortada na diagonal.

Rosto oval: Combina com quase todo o tipo de corte, principalmente com as franjas, porém é bom que elas não sejam muito curtas, para não esconder o rosto.

Rosto triangular: Usar franja bem desfiada, para dar um ar de leveza.

Rosto Fino: Combina com franja mais curtinha, para não alongar tanto o rosto.

Testa larga e queixo pequeno: A franja é uma ótima opção para disfarçar esse tipo de rosto.



O que pode quando o assunto é Franja:
- Alternar entre uma franja com os cantos mais arredondados, ou uma franja totalmente reta, assim, você não enjoa do corte.
- Adolescentes podem abusar das franjas desfiadas.
- Nos cabelos com o corte Chanel ficam um charme.
- Assim como nos cabelos desfiados na frente.
- E ainda cabelos na altura dos ombros.
- Mechas suaves valorizam a franja.- Prender com presilhas, ou usar laquê para pentear de lado.


O que não pode:
- Cabelos cacheados, ou muito ondulados.
- Cabelos muito longos, cortados em fio reto.
- Rosto muito redondo.
- Cabelo picotado atrás.
- Pegar sol com a franja no rosto, pois ficará marcado, é sempre importante prender a franja na hora de se bronzear.
- Tonalidade diferente do restante do cabelo.
- Não ter certeza de que quer este tipo de corte.
- Quem tem o nariz ou os olhos muito grande, não deve usar franja, para que não chame muito a atenção para os traços exagerados do rosto.

escova progressiva!

                         

A escova progressiva detonou seu cabelo? Veja o que fazer



Cabelos levemente ondulados, com movimento e um pouco de volume estão gradualmente tomando o lugar dos com efeito chapado. Com isso, novos tratamentos para disciplinar os fios — porém sem deixá-los tão escorridos quanto com a escova progressiva — são lançados e prometem fazer sucesso.
 Para começar, tem aquelas mulheres que nos últimos anos fizeram uma escova progressiva atrás da outra e agora estão cansadas do efeito alisado e estático que ela proporciona: elas querem seus cabelos com movimento e volume de volta. O que fazer?



 A verdade é que não é fácil tratar os danos causados pela progressiva e ter um cabelo saudável e com vida novamente. O formol deixa o cabelo estático e forma uma película em volta do fio que o deixa impermeabilizado, em que nada entra e nada sai. Por isso os cabelos ficam secos e desidratados. Nesse caso, para se livrar desse efeito, só cortando aos poucos e deixando o cabelo crescer.
 Tratamentos que substituem a Escova Progressiva
 Outra forma de reverter a situação é fazer outros tipos de tratamentos que ajudam a repor a perda de matéria da madeixa. Entre esses tratamentos incluem: blindagem, selagem, escova de óleo de Argan e escova de aminoácidos.


Blindagem Capilar
A blindagem ajuda na recuperação das agressões. A reconstrução capilar realizada na blindagem é mais profunda e dura mais tempo. Além disso, você só precisa de uma sessão. A blindagem é uma boa idéia para quem está com as pontas muito danificadas. A reconstrução diminui o comprimento que precisa ser cortado para dar uma aparência saudável aos fios.
A rapidez do tratamento e a ausência de substâncias químicas pesadas são dois atrativos para quem deseja experimentar a novidade. A blindagem tridimensional fica pronta em cerca de uma hora e custa de R$ 250 a R$ 400, dependendo do comprimento e do volume dos fios. Saindo do salão, você pode lavar e prender os fios à vontade, diferente do que ocorre em algumas variações de progressiva.

 Como funciona a Blindagem Capilar?
Recupera a estrutura interna dos fios, que recebem ativos voltados à nutrição. O cabelo fica mais forte e disciplinado.
Cicatriza as pontas com a união das pontas duplas. O tratamento cria uma película de proteção, que impede o cabelo de quebrar ou desfiar.
Blinda os fios. Os polímeros ativados pelo calor do secador e da prancha criam uma película de proteção contra novos e eventuais desgastes.

Selagem Capilar
A selagem não tem apenas o efeito alisador; ela também é responsável pela reconstrução capilar.
A selagem dá força ao cabelo danificado e ajuda a repor a queratina do fio. O procedimento para fazer a selagem é o mesmo da progressiva: usa-se uma chapa de cerâmica para que o produto aplicado penetre no interior do fio. Mas no lugar do formol, entram ampola e máscara à base de aminoácidos. O procedimento dura, em média, 40 dias e custa entre R$300 e R$500. No entanto, a selagem oferece menos riscos à saúde da mulher, com menos chances de alergia ou intoxicação após o uso dos produtos.

 A selagem térmica capilar tem como principal produto a queratina. Ela exerce um efeito de hidratação nos fios e também é responsável pelo alisamento. A grande vantagem do procedimento é o fato de não se usar o formol na hora de preparar a máscara reconstrutora. Antes de passar os produtos da selagem, é necessário lavar os cabelos com um shampooantirresíduos para fechar as cutículas dos fios. Em todo caso, procure um cabeleireiro capacitado para realizar essa hidratação.


Escova de óleo de Argan

Reduz o volume excessivo do cabelo, abaixa o frizz e deixa as madeixas com aspecto natural e saudável. A escova de óleo de Argan é muito hidratante para os cabelos, além de ser rica em antioxidantes. O seu princípio ativo é o ácido glioxílico, substância que por ter pH ácido sela as escamas do cabelo e o deixa menos sujeito a agressões externas.
 A escova de óleo de Argan pode ser usada por todos os tipos de cabelo, porém é mais indicada para cabelos que passaram por coloração, descoloração, relaxamento e outras formas de alisamento. Esse tipo de escova é ideal para cabelos ressecados e danificados. A sua aplicação deve ser feita no salão e a sua durabilidade é em torno de dois meses. A escova de óleo de Argan custa em média R$ 240.

Escova de aminoácidos
 A escova de aminoácidos deixa o cabelo bonito e sem volume, e também tem o poder de hidratar os cabelos quimicamente tratados. Os aminoácidos são capazes de preencher as fissuras do fio e, com isso, deixa a madeixa super hidratada.
 Os cabelos ficam fortalecidos, lisos, macios, brilhantes e podem ser lavados no mesmo dia da aplicação do produto. O segredo da escova à base de aminoácidos está no choque térmico. Após a aplicação do produto nos cabelos, vem a chapinha e, logo em seguida, os cabelos são lavados com água bem gelada. Para finalizar, é só secar. O tratamento dura, em média, 3 meses e custa cerca de R$400.
 E você, já fez algum desses tratamentos? O resultado foi satisfatório?

cabelos ondulados!

                               

             Cabelos ondulados a tedência deste verão



Cabelos Ondulados:
Tendências chegam, tendências se vão, e nós mulheres sempre estamos em busca do que está nas paradas.
Hoje vou falar de cabelos. Ora estamos alisando, ora estamos enrolando, com ele preto, com ele loiro, não importa, mas este é o ser mais mutável de nosso corpo, pois fazemos de tudo para não ficar démodé, não é meninas???

Para o verão de 2012 a tendência é cabelo ondulado, aquele no estilo Bundchen de ser, pois é cabelo de Top sempre está nas paradas, e lá vamos nós corrermos atrás para ficar com o visual igualzinho dessas beldades.

Graças a nossa brasileiríssima e lindíssima top Gisele Bundchen, que popularizou os cabelos com ondas controladas e super hiper mega sexy, não há mulher que não queira ter esse tipo de penteado. Até mesmo as mais famosas!

Para copiar este look você poderá deixar seus cabelos ondulados, de forma muito prática e simples, passando uma pomada nos fios quando for secá-los e ir amassando os cabelos para dar forma aos fios. O efeito fica bem natural, pois forma delicadas ondas, sem deixar o cabelo muito marcado e pesado.


Para produzir ondas mais volumosas, a alternativa é recorrer ao secador e secar os cabelos com a cabeça para baixo, usando um difusor. O efeito é mais intenso.



Se a sua opção for por ondas um pouco mais marcadas e definidas, você terá um pouco mais de trabalho.  Para isso, você terá que usar uma escova para modelar os cachos e soltá-los levemente com a mão para deixar o mais natural.

Outro efeito pode ser o ondulado mais liso. Ondulado nas pontas e liso no corpo do cabelo. Faça uma escova e, quando chegar às pontas, faça um leve movimento virando o cabelo. Esse look é ideal para um evento noturno.

Bem minhas lindonas, agora vamos lá, mão na massa e cabelos ondulados!!!

cabelo bonito todo dia!

                         

                       Cabelo bonito todo dia!!!



O sonho de toda a mulher é acordar todos os dias com as madeixas impecáveis. Porém, na prática, a coisa não funciona bem assim. Algumas vezes os fios ficam tão rebeldes que a única solução que conseguimos pensar é se trancar em casa e não deixar ninguém ver o tamanho do estrago. mas calma lá, nada de radicalismos! Levantamos 30 dicas espertíssimas capazes de garantir um cabelo bonito todo dia!
1 – Aposte nos grampos
Nem só de cosméticos se compõe um bom nécessaire: carregue sempre alguns grampos. Como esses acessórios são fáceis de perder e o penteado pode precisar de retoques durante o dia, ter uma pequena reserva faz toda a diferença. Além disso, nunca se sabe quando você poderá receber um convite irrecusável para logo depois do expediente. Aí, basta ir até o espelho mais próximo e dar aquela turbinada no visual antes de sair.
2 – Maciez certa
Para exibir uma cabeleira mais sedosa e macia, anote o truque: pingue 3 gotas de óleo essencial de calêndula no frasco do condicionador. Você vai notar a diferença rapidinho!
3 – Xô, oleosidade
Seus cabelos estão com aquele aspecto oleoso, que derruba qualquer visual, e não dá tempo de lavar antes o próximo compromisso? “Aplique um pouco de talco sobre a raiz”, ensina Branca Di Lorenzo, hair stylist do salão Crystal Hair(RJ). O produto absorve parte da oleosidade e disfarça bem o problema.
4 – Cachos controlados
Pentear os cabelos cacheados depois de secos deixa-os ainda mais armados e difíceis de domar. Por isso, desembarace-os enquanto estiverem molhados, sempre utilizando pentes de madeira com dentes largos. Uma boa opção é fazer isso durante o banho, logo após a aplicação do condicionador, quando os fios estão mais maleáveis.
5 – Cabelo seco
Evite dormir com os cabelos molhados. Além de abafar o couro cabeludo e favorecer a incidência de irritações, esse mau hábito deixa as mechas amassadas e com ar de descuido.
6 – Liso por inteiro
Após a finalização do brushing, borrife um pouco de spray fixador na escova e penteie o cabelo da raiz às pontas. Além de prolongar o efeito liso, o truque combate os fiozinhos arrepiados.
7 – O fim do frizz
Quanto mais você penteia, mais aqueles fios rebeldes, conhecidos como frizz, saltam da sua cabeleira? Aposte no silicone! Basta aplicar um pouco do produto nas mãos, esfregá-las até aquecer e aplicar sobre a extensão das madeixas, de cima para baixo, fazendo um pouquinho de pressão para selar a cutícula.


8 – Movimento nota 10
Cabelos lisos podem ganhar ondas charmosas em poucos minutos. Divida os cabelos molhados em mechas médias e torça-as da raiz às pontas. Então, seque esses rolinhos com o secador e, depois, solte os fios suavemente, com os dedos. O resultado fica natural e cheio de movimento.
9 – Rabinho prático
O rabo de cavalo nunca sai de moda. Além disso, é um penteado superdemocrático: dá para conseguir efeitos que vão do visual clássico ao rock´n roll. Por isso, pode investir! E quem tem cabelos curtos não precisa ficar de fora. Basta utilizar um aplique.
10 – Cheirinho bom
Se você é fumante ou convive com pessoas que têm esse vício sabe que o cigarro deixa um cheiro desagradável impregnado nos fios. Mesmo quem está sem tempo para a lavagem pode dar um jeitinho no problema, com a ajuda de sprays capilares que extraem odores. É só espirrar um pouco do produto, desde a raiz até as pontas.
11 – Fios sem quebras
Essa é para quem está com os fios quebradiços e gosta de recorrer às soluções naturais. Prepare uma panela de chá de alecrim e aplique sobre os cabelos, sem enxaguá-los depois. A erva possui substâncias que ajudam na recuperação dos folículos capilares, deixando-os mais resistentes.
12 – Fim da secura
Anote aí uma receita poderosa que promete revitalizar os cabelos secos e danificados. “Misture 1 copo de iogurte natural, 2 colheres (sopa) de mel e 1 colher (chá) de óleo de amêndoas. Aplique o creme sobre os fios, deixe agir por 20 minutos e enxágüe. Para potencializar o efeito sugiro o uso da touca térmica”, orienta a hair stylistSonia Nesi (RJ).
13 – Cor nova
Vai mudar a cor dos cabelos em casa? Prefira o tonalizante à tintura. Como o efeito do produto é mais sutil, as chances de radicalizar demais e ter que aturar uma cor que não combina muito com você são reduzidas.
14 – Sem arrepios
Escovas com cerdas naturais e pentes de madeiras são excelentes aliados no combate ao frizz. É que esses materiais reduzem a eletricidade presente nos fios, deixando-os mais comportados.
15 – Brushing que dura
Está com os cabelos escovados e não quer estragar o efeito durante o banho? Então, nada de usar a toca de plástico, que causa abafamento, deixando-o mais propenso à ondular de novo. O melhor é envolver as mechas com uma toalha, sem apertá-las demais.



16 – Hidratação na medida
Cuidados em excesso também podem comprometer a beleza dos cabelos. Exemplo disso são as máscaras de hidratação (caseiras ou industrializadas) que, se administradas de forma exagerada, deixam os fios pesados e oleosos. Para não errar na mão, aplique pouco e espalhe bem o produto, massageando cada mecha. Outro dica é evitar a aplicação direto na raiz. Dê uma folga de mais ou menos três dedos.
17 – Força garantida
Caminhar ao ar livre com os cabelos molhados pode favorecer a quebra. É que a umidade faz com que os fios absorvam mais a poluição, deixando-os enfraquecidos. Melhor não abusar…
18 – Dupla lavagem
Já reparou que nos salões a lavagem com xampu é feita duas vezes? É incrível, mas logo em seguida os cabelos já parecem mais bonitos. Acontece que na primeira lavagem, o produto se encarrega de retirar as impurezas dos fios e do couro cabeludo. Na segunda, com a cabeleira limpa, ele penetra melhor e os ativos presentes em sua fórmula agem mais profundamente. Vale repetir a dobradinha também em casa!
 


19 – Cabelão instantâneoPara fugir das madeixas sem volume, o segredo está na hora da secagem. Curve o corpo e jogue a cabeça e os cabelos para frente. Agora, com o auxílio do secador, retire a umidade dos fios começando pela nuca e seguindo em direção às pontas. Ajeite as madeixas no formato desejado com a ajuda de uma escova.

20 – Acessórios poderosos
Cabelos cacheados também ficam lindos com acessórios. Valem fivelas, presilhas estilizadas, tiara… A dica é escolher opções maiores, que não fiquem apagadas em meio ao volume. Ah, e não esqueça das faixas e lenços! Eles ajudam a domar a cabeleira e dão um toque de cor ao visual.
21 – Franja perfeita
Para dar movimento à franja, basta enrolá-la para cima com o auxílio de um bobe médio por 10 minutinhos. “O bobe ajuda a levantar a raiz e dá um caimento mais bonito”, garante Juliana de Oliveira Gomes, cabeleireira da Maison Payot (SP).
22 – Curtinho fashion
Engana-se quem pensa que não dá para variar os penteados dos cabelos curtos. Se esse é o seu caso, experimente fazer um baby-liss nas madeixas e prender a franja com uma presilha delicada. “Fica bem moderno e jovial”, diz a cabeleireira Helida Casanova, do Planet Hair (SP).
23 – Piastra na mira
Nos cabelos lisos, o corte desfiado pede balanço e pontas bem marcadas. Para alcançar esse resultado, o primeiro passo é uma escova bem feita, seguida da aplicação da chapinha. Mas não adianta passá-la de forma reta: o truque é dar uma leve encurvada para dentro, em direção ao rosto, para evitar o visual chapado demais.


24 – Arsenal poderoso
Quem gosta de apresentar penteados variados precisa contar com um bom arsenal de escovas. Os modelos em formato de raquete são ideais para pentear e desembaraçar os fios, secos ou molhados. Já as escovas redondas são melhores para dar forma ao cabelo, sendo as de maior diâmetro indicadas para dar movimento e volume e as mais fininhas para alisar.
25 – Cabeça fria
Sempre que possível, ou seja, assim que o inverno der uma trégua, faça o último enxágüe das melenas com água fria. Ela promove o fechamento das cutículas e confere luminosidade imediata!
26 – Ton sur ton
As mechas e luzes estão em alta, mesmo agora no inverno. “Elas conferem charme, além de diminuir o efeito monocromático tão comum da estação”, afirma o cabeleireiro Rodolfo Caetano, do salão Yes (SP). Os tons que prometem bombar são os acobreados, o chocolate e dourados. Para as menos ousadas, escolher uma coloração dois tons abaixo da cor natural dos cabelos já oferece bons resultados, criando suaves pontos nas madeixas.
27 – Cor sempre boa
Cabelos tingidos exigem retoques periódicos. Mas dá sim para preservá-los bonitos por mais tempo, com a ajuda de xampu e condicionador específicos para cabelos coloridos ou com mechas. Eles têm ação suave e evitam o desbotamento prematuro da cor.
28 – Longe do verde
Algumas substâncias presentes nos cosméticos, a mistura de tinturas e até a exposição solar também podem deixar o loiro esverdeado. Para contorná-lo, molhe os cabelos com leite e deixe agir por uns 20 minutinhos. Depois, é só enxaguar. Repita o procedimento por alguns dias, se necessário.
29 – Coque esperto
Nos dias em que acordar e o cabelo estiver totalmente sem graça, enrole-o em um coque, borrife um pouco de spray fixador e aqueça os fios com o jato quente do secador por 30 segundos. Em seguida, solte o birote e penteie os fios com as mãos.

30 – Brilho extra
Para cabelos mais bonitos e cheios de brilho, a receita é simples. No último enxágüe, use 1 litro de água com duas colheres de sopa de vinagre de maçã, que tem efeito antioxidante, equilibra o ph natural dos fios e age no selamento da cutícula. Se o cheiro lhe incomodar, é só adicionar à água algumas gotinhas de lavanda.

cuidados com a pele no inverno!

                         

                  Cuidados com a pele no inverno


Hidrate o rosto no Inverno
As conseqüências de uma má hidratação aparecem, sobretudo, no rosto


Não é apenas no Verão que se deve ter cuidado com a hidratação da pele. No Inverno, a pele também necessita de cuidados especiais. Afinal, é o rosto que mais sofre as conseqüências de uma má hidratação.

 E se o rosto funciona como cartão de visita, certamente não vai querer antecipar as rugas e as marcas de expressão... Assim, para que isso não aconteça, é importante que a hidratação do rosto seja feita diariamente. Lembre-se que se a sua pele está ressequida é devido ou à falta de água ou de gordura. Acontece que um rosto bem hidratado apresenta uma boa elasticidade, já a pele desidratada é flácida e enrugada.

Para obter uma hidratação perfeita, o primeiro passo é identificar o tipo de pele. Só assim é possível definir o melhor tratamento. Até porque, uns produtos têm mais água que outros.

 Descoberto o tipo de pele, deve ter os cuidados necessários para proteger a pele das agressões exteriores, como o vento, o frio, a poluição ou os raios solares. Note-se que o horário escolhido para tratar do rosto é fundamental. Se possível, hidrate a pele de manhã, depois do banho.

 A maneira como se usam os produtos também é importante: as loções e os cremes devem ser aplicados com algodão, em movimentos rotativos, e o hidratante pode ser aplicado diretamente com as mãos; primeiro deverá usar um creme de limpeza para eliminar os resíduos, depois a loção para fechar os poros e só depois o hidratante.

Definição dos tipos de Pele

A pele normal caracteriza-se pelo equilíbrio de água e óleo, portanto não é nem oleosa nem ressequida. Porém, tende a ser mais ou menos oleosa ou seca, por isso é importante reconhecer a diferença por forma a escolher os cremes e hidratantes mais indicados.

Assim, as peles normais com tendência à seca devem ser tratadas com cremes hidratantes. Os cremes têm maior quantidade de óleo e fixam bem a água. Já as mulheres com peles normais tendendo à oleosa devem usar gel hidratante, pois não têm óleo.

A pele seca caracteriza-se pela falta de água. Assim, o tratamento da pele seca depende da quantidade de água que tem. As peles muito secas devem ser tratadas com cremes e as que têm um maior nível de água podem ser hidratadas com creme.

 A pele oleosa é desequilibrada devido ao excesso de óleo, pelo que devem ser hidratadas com soluções específicas. As mulheres com este tipo de pele não devem usar hidratantes que contenham óleo.

A Hidratação

O corpo também deve ser hidratado diariamente após o banho, tal como o rosto. Mas, nada de excessos, pois usado em exagero o produto pode obstruir os poros, dificultando assim a respiração da pele. O hidratante deve ser espalhado uniformemente pelo corpo. E as áreas, como os pés, as mãos, os joelhos e os cotovelos, merecem cuidados especiais.

Deve, no entanto, ter em conta que se usa um creme que deixa a pele do corpo perfeitamente hidratada, este poderá não ser o mais indicado para o rosto, já que a pele desta área é mais fina.

Manter a pele hidratada não é nenhum "bicho de sete cabeças", e os cuidados diários de limpeza e hidratação da pele com produtos de qualidade são fundamentais para mantê-la sempre saudável e bonita. Porém, também deve ter uma boa alimentação e beber líquidos.

sobrancelhas siga o desenho dela!

                           

        Segredo das sobrancelhas perfeitas é respeitar o desenho natural e não seguir tendências




Sobrancelhas perfeitas devem respeitar o desenho natural

 O primeiro passo para ter sobrancelhas bonitas e naturais, como se fossem a moldura dos olhos, é esquecer o que se vê nas passarelas e tirar proveito do desenho original. Claro, com alguns ajustes. “Não existe sobrancelha que está na moda, cada rosto fica bem com um estilo. E essa harmonia é que é bonita. Não precisa ser fashion para ter beleza”, resume o maquiador e designer de sobrancelhas Théo Carias, do salão Oh!Théobeauty&Co, de São Paulo, que enfatiza que o principal papel da sobrancelha é realçar o olhar, para isso ela deve ser ‘limpa’ e o mais natural possível.
O segundo passo é saber escolher um bom profissional. De acordo com o expert, o ideal é que seja um designer de sobrancelhas, por ser uma pessoa que tem conhecimento de harmonia, anatomia e visagismo (técnica que valoriza a beleza e o equilíbrio, de acordo com as características físicas de cada um). No entanto, justamente por ter uma formação mais elaborada, não é fácil encontrar esse perfil de profissional, nem todos os salões têm. Para driblar essa carência, Théo dá uma dica preciosa: “pode se espelhar nas sobrancelhas de uma amiga e experimentar fazer com quem ela costuma fazer. Outra boa opção são os maquiadores, eles trabalham com a anatomia do rosto e sabem explorar o que fica mais harmônico. Esteticistas e manicures é melhor evitar, até existem aquelas que têm um conhecimento, mas é raro”, ensina o mago da pinça.


Penteie bem os fios para cima e apare as pontinhas com uma tesourinha. Corte só a pontinha mesmo. Não siga o limite de referência, do desenho natural, corte um pouco acima desse limite porque quando o pelo é penteado no sentido natural, a sobrancelha não fica com falhas. Essa é uma dica, sobretudo para evitar falhas Patrícia Araújo/UOL
Dúvidas cruciais

Quando o assunto é sobrancelha, poucas pessoas são completamente seguras quanto ao estilo. “O mais importante para ter uma sobrancelha bonita é respeitar o desenho natural, não importa se ela é fina ou grossa. É melhor deixar a vontade de seguir tendências de lado e tirar proveito do estilo próprio”, ressalta Théo Carias, que aponta um dos maiores erros que uma pessoa pode cometer: afinar o desenho. “Quem tem sobrancelha grossa, deve mantê-la sempre ‘limpa’, sem excessos, mas nunca deve tentar afinar. Compromete a harmonia do rosto”.
Outro aspecto importantíssimo para manter a harmonia do rosto é prezar o equilíbrio entre a cor da sobrancelha e a cor dos cabelos. Se clarear o cabelo o ideal é dar uma amenizada também no tom das sobrancelhas, senão fica um efeito falso. Para evitar esse deslize visual basta clareá-las um tom abaixo. “O ideal é fazer isso de três dias a uma semana depois de ter tingido os cabelos porque nesse período a cor dos cabelos dá uma desbotada e fica mais próxima ao tom que vai ficar por um tempo. Essa é a melhor maneira para saber qual o tom exato que se deve produzir nas sobrancelhas, que podem ser tingidas com uma tinta específica para elas ou tinto de cabelo em quantidades ínfimas. Lembrando que o tom certo deve ser um pouquinho mais forte do que a cor dos cabelos, para não perder a expressão. Pessoas com as sobrancelhas muito claras tendem a ficar com o olhar mais neutro”, ensina Théo.

Voltando ao desenho perfeito. A ala masculina também deve se preocupar com esse cuidado estético. “O homem tem que aparar os fios maiores e tirar o excesso de pelo, quando necessário. Esse cuidado não tem nada a ver com sexualidade e sim com assepsia. Principalmente na região entre os olhos, em cima do osso do nariz. Vale a pena para não ficar com a fisionomia sisuda e aspecto selvagem”, justifica Théo.
Para aprender mais

Algumas técnicas e truques são muito úteis para preservar o desenho original e valorizar o rosto e o olhar. Confira as dicas de Théo Carias:
Evite "limpar" a sobrancelha em casa, pois dessa forma é mais fácil perder a noção do desenho como um todo.


PASSO A PASSO: O SEGREDO DAS SOBRANCELHAS PERFEITAS
É melhor que a sobrancelha seja mais grossa ou o mais próximo possível do desenho original – sobrancelhas muito finas e arredondadas deixam o olhar triste, além de envelhecer
Amenize falhas com lápis de sobrancelha de cor bem semelhante à cor natural dos pelos ou com caneta semipermanente para maquiagem – essa última deve ser usada sem exagero para não pesar ou ficar artificial. Outro truque eficaz: aplique sombra em pó marrom sobre a região da falha, com pincel chanfrado levemente molhado para aumentar a fixação da sombra.
Acerte na pinça: as de ponta reta são indicadas para retirar os pelos em excesso; as de ponta fina, pontudas, são perfeitas para acertar o desenho. Os pelos devem ser arrancados sempre no sentido natural.
A região do meio, entre os olhos, é importantíssima para manter a harmonia do rosto. Para retirar os pelos dessa área sem errar, faça o truque do pincel: pegue o cabo de um pincel (pode ser de um pente também, desde que seja um cabo fino e comprido) e coloque reto paralelo ao nariz, de maneira que fique bem próximo à narina. Observe o ponto em que ele vai encostar no canto interno da sobrancelha, esse é o limite – nesse ponto ela deve começar, o que estiver além do cabo do pincel é excesso e deve ser retirado.
Descentes de árabes e espanhóis, que têm um desenho mais grosso, e em alguns casos irregular, devem aparar sempre e também retirar os excessos para não deixar a fisionomia carregada e amenizar o olhar. Para rebater um olhar mais duro, o ideal é fazer formas mais orgânicas, curvilíneas. O canto interno quando é muito reto deixa o olhar mais duro, se ele for arredondado traz leveza.

Quase ninguém tem uma sobrancelha igual a outra, por isso é tão importante abusar dos recursos da pinça. Quanto mais semelhante uma sobrancelha da outra, mais bonito e harmonioso fica o rosto.

Xilocaína não é eficaz para evitar a dor ou o desconforto das pinçadas na pele. Um bom anestésico tópico é a pomada Emla – basta aplicar 40 minuto antes do procedimento.
A maquiagem também pode valorizar a sobrancelha – aplique sombra iluminadora em pó na base no canto externo embaixo e um pouco na parte de cima, também no canto externo. O desenho parece mais definido e ilumina a região em volta.
Se você é daquelas que costuma limpar a própria sobrancelha, tenha muita atenção, pois dessa forma é mais fácil perder a noção do desenho como um todo.
Não se esqueça de retirar os fios invisíveis, aqueles finos e claros que quase não se percebe, mas é necessário tirá-los para que a pele da região fique bem limpa.
Retirar os pelos com cera não é recomendado, pois pode causar flacidez na região